Destinos Nacionais

O que fazer em Foz do Iguaçu – Roteiro de 5 dias

30 de março de 2019
O Que Fazer em Foz do Iguaçu

Estava revirando um (dos vários) caderninho de anotações e encontrei um mini diário de bordo sobre Foz do Iguaçu, que visitei em 2014. Passei seis dias lá e foi um destino que me surpreendeu demais! Admito que não esperava tanto quando decidimos tirar férias na cidade. Quer saber o que fazer em Foz do Iguaçu? Leia nosso post!

Chegada em Foz do Iguaçu, Contratação de Passeios e Jantar na Churrascaria

No primeiro dia, chegamos por volta das 16h. Caso você vá e chegue no período da tarde, o legal é combinar os passeios dos próximos dias e aproveitar a noite em algum restaurante legal e descansar para a caminhada (que será intensa!) dos próximos dias. Nós jantamos na churrascaria Rafain, que chama muitos turistas com suas apresentações multiculturais. Recomendo reservar com antecedência, pois o local costuma ser lotado e o show é bem divertido.

Restaurante-Rafain

Compras no Paraguai

Para o segundo dia, compramos o passeio de van até o Paraguai. A não ser que você conheça a fronteira, não aconselho a ir com o próprio carro. Saímos do hotel às 9h30 e, em questão de meia hora, chegamos à fronteira. Minhas próprias anotações foram “que lugar louco”, seguido de uma lista “não tem = semáforo, placas de trânsito, faixa de pedestre, regras” e uma “tem = paraguaio vendedor pilhado, carro em todas as direções, ponte da amizade (também conhecida como ponte do contrabando), comprinhas (foque em uma das galerias para eletrônicas e em outra para o restante, não perca tempo indo a vários lugares diferentes) e crianças vendendo 10 pares de meia por 5 reais”.

Visita Noturna à Itaipu

Chegamos de volta ao hotel às 16h e descansamos um pouco até a visita à Itaipu. É um espetáculo bem lindo de Iluminação da Barragem, feito com a energia produzida na própria hidrelétrica. Ah! Importante lembrar que acontece somente às sextas e sábados, às 19h30, com uma hora e meia de duração. Levando isso em consideração, sugiro também reservar o passeio antes (você pode fazer isso no link anterior), pois as vagas são limitadas e ele só acontece em duas noites por semana!

Valores atualizados: 45 reais a entrada inteira e 22,50 reais a meia entrada.

Iluminação Usina Itaipu
Itaipu à noite

Como dá para ver na foto, passamos muito frio! Fomos em julho e não sabíamos que a visita era naqueles ônibus abertos. Lembre disso caso você também vá durante o inverno…

Parque das Aves

Chegamos ao Parque das Aves lá pelas 9h30 e fizemos uma trilha “linda pelo meio da floresta e tiramos muitas fotos maras!” (eu mesma escrevendo no diário de viagem). Mais uma anotação: ainda bem que compramos mochilas no dia anterior, elas foram mais do que necessárias… É claro que você não precisa ir ao Paraguai e comprar mochilas, mas lembre-se de levá-las ao passeio. Se estiver com crianças, pode ter certeza que irão amar ver as aves soltas e bem de pertinho.

Parque das Aves Foz do Iguaçu_01
Parque das Aves Foz do Iguaçu

Funciona todos os dias, das 8h30 às 17h e a tarifa é de 45 reais para estrangeiros ou brasileiros, 22 reais para estudantes e idosos e 10 reais para moradores de Foz do Iguaçu. Esse preço reduzido aos moradores é uma iniciativa que promove o turismo local, além de valorizar o trabalho dos guias turísticos (encontramos muitos que falam 3 idiomas ou mais).

Cataratas do Iguaçu – Lado Brasileiro

Saímos do parque e fomos às tão esperadas cataratas! O caminho é de um ônibus que leva até uma trilha + tempinho de caminhada + travessia da passarela que desemboca na Garganta do Diabo. Coragem! Ainda dá para subir no elevador panorâmico e almoçar lá em cima, tem vários restaurantes e todos com uma vista maravilhosa.

Quedas d'água do lado brasileiro
Ponte da Garganta do Diabo
Ponte da Garganta do Diabo
Queda d'água Foz do Iguaçu

Esse dia quase não teve fim. Depois do almoço fomos fazer o Macuco Safari, que eu descrevi como “uma das experiências mais fantásticas da minha vida”. Se tiver que escolher um passeio (por quaisquer que sejam suas razões), escolha esse. O barco/bote nos levou para o meio das cataratas e tomamos um banho daqueles!

Macuco Safari_01
Macuco Safari

Mais informações aqui no PDF que anexamos para você 📌

Meu pai, meu irmão e eu fomos de roupa curta (sem casaco, calça, nem nada de inverno) e sem capa de chuva. Nunca passamos tanto frio na vida! Minha mãe, prevenida, levou o “casaquinho”, foi de calça e capa e se deu bem. Ouçam quando a mãe manda levar um casaquinho, é sério!

Quedas d'água do lado brasileiro

Nesse mesmo lugar, há a opção de sobrevoar as cataratas de helicóptero. Como eu morro de medo (andei de Teco-teco em Nazca e foi horrível) e achei caro demais, não fui. Fica a dica para quem se interessar. Os hotéis costumam ter agências dentro do próprio estabelecimento para vender esses passeios. Enfim, voltamos e fomos direto jantar (uma pizza mesmo!) e capotamos na cama.

Museu de Cera

Como ninguém é de ferro, nesse dia descansamos um pouco mais e fizemos atividades voltadas para o meu irmão (que na época tinha 7 anos 😱). Fomos ao Museu de Cera, que funciona das 8h às 22h e fica na Avenida das Cataratas. Por ficar em um complexo, há também um bar de gelo, uma exposição de carros, um parque dos dinossauros (não espere muito… as crianças costumam gostar) e réplicas das maravilhas do mundo. Há combos de ingressos para essas atrações, basta escolher o que mais lhe agradar.

DSCN0829
Parque-Dinossauro
Dreamland Museu de Cera de Foz
Dreamland Museu de Cera de Foz

Cataratas do Iguaçu – Lado Argentino

Tome o famoso café da manhã reforçado e aproveite o dia inteiro no lado argentino. É possível ir de carro ou contratar uma van também. Se possível, vá de carro para não precisar ver nada correndo. Nós dirigimos até lá, deixamos o carro no estacionamento do próprio parque (o lado argentino tem mais quedas d’água, mas o lado brasileiro é mais bem preparado e organizado).

Cataratas lado argentino
Quatis no parque cataratas argentinas
Cataratas argentinas

Fizemos uma trilha, que foi aberta com a finalidade de acessar as quedas, e chegamos bem pertinho da água. Senti uma paz imensa no momento em que chegamos ao destino final. No caminho de volta, paramos para descansar um pouco e encontramos muuuitos quatis. Tome cuidado, eles estão atentos aos turistas e prontos para roubar seu celular!

Já no fim da tarde, caminhamos pelo centro de Puerto Iguazú (pegamos um pôr do sol de tirar o fôlego) e jantamos no The Living Room. Amei tudo.

Restaurante the Living Room
Por do sol em Puerto Iguazú

Passeio de City Tour

Marco das Três Fronteiras

Para finalizar essa viagem linda, fizemos o passeio com o City Tour que para, primeiro, no marco das três fronteiras. É um momento curioso se perceber em 3 países “ao mesmo tempo”. Os motoristas e guias são todos formados (ou pelo menos muito bem preparados) e explicam a história de cada lugar, além de contar curiosidades que não é qualquer um que conhece.

Marco das Três Fronteiras_01
Marco das Três Fronteiras

Templo Budista

Depois do Marco das Três Fronteiras, voltamos para o ônibus e fomos ao Templo Budista, que tem um gramado lindo na frente, diversas representações de Buda e muita simbologia. Dá vontade de ficar horas conhecendo o templo, mas o lado chatinho desse tipo de passeio é ter horário para voltar.

Templo Budista Foz do Iguaçu
DSCN0810-(2)

Mesquita Omar Ibn Al-Khattab

Por fim, fomos levados à Mesquita. Claramente, é uma cidade multicultural, que respeita as diferentes religiões e crenças existentes. A dica é ir de calça ou saia comprida, para as mulheres, porque não se permite a entrada no local com roupas acima do joelho. Um ponto que me chamou atenção foi a boa vontade de mostrar que terrorismo e extremismo não têm nada a ver com a fé e os princípios do Corão. Eles distribuem livros e folhetos informativos em, no mínimo, cinco idiomas.

Mesquita de Foz do Iguaçu
Interior da mesquita em Foz
Mesquita Foz do Iguaçu

Essa viagem foi muito enriquecedora, em que senti boas energias e fiquei com muita vontade de voltar. Fica aí mais uma sugestão de roteiro para aproveitar o feriado! Foz do Iguaçu é muito longe? Então dá uma olhada nessas outras sugestões de roteiros para o fim de semana ou feriado:

Quer uma ajuda para criar o seu próprio roteiro de viagem? Dá uma olhada nesses posts:

Você também pode gostar de…

Sem comentários

Deixe o seu comentário

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com